Os Desigrejados assim chamados por não fazerem mais parte de uma denominação, e que por vários motivos deixaram o sistema religioso se desligando das denominações que eram membros, e o termo correto que se deve usar é “Não denominacionado”
O primeiro ponto é que uma denominação ou como comumente chamada de igreja não tem efeito ou poder soteriológico em uma pessoa, “(Soteriologia: Doutrina da salvação)” ou seja, ser membro de uma denominação não quer dizer que está salvo.
Geralmente os que defendem as instituições usam alguns textos para assim defenderem seus argumentos de que as pessoas não devem deixar as Igrejas. Um dos textos principais está em Hebreus 10:15.

Não deixando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia. Hebreus 10:25

Para um melhor esclarecimento aprendizado e ensino desse texto acesse o link abaixo e assista ao vídeo do professor e apologeta Relry Alves do canal evangelho anderground, que também está disponibilizando um curso de teologia digital totalmente biblista não denominacional.
Link do vídeo: https://bit.ly/3iykuwP
Ser ou tornar-se um não denominacionado não quer dizer que a pessoa não faz parte da igreja ou do corpo de Cristo, pois a igreja de Jesus é invisível e não se limita a um prédio, ou qualquer lugar com um espaço físico fechado. Igreja que vem do termo grego Eclésia em grego: Εκκλησία; translilterado: ekklesia que ao traduzir quer dizer chamados para fora.
A questão em si é que não sou contra pessoas fazerem parte de uma denominação se reunirem em um templo, em uma casa, uma garagem etc. O que não pode ser ensinado ou doutrinado como muitos fazem é colocar uma denominação independente do nome que é atribuído como que se não estiver arrolado como membro não tem parte no corpo de Cristo e isto a bíblia não enina.
Fazer a obra de Deus como é mencionado pelos lideres denominacionais não consiste apenas em participar ou estar envolvido com as liturgias e programações e sim em atender ao necessitado, ao pobre, a viúva, realizando assim uma obra social onde a principal ação é a demonstrar o amor

By renato

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *